E SE A PRESIDENTE CAIR?

(Foto: Wilton Júnior/AE)

A nossa Presidente pode cair e isso é algo muito sério para a democracia brasileira. Não vou entrar no mérito se a presidente Dilma Rousseff merece ou não, se cometeu crimes para ou não ser afastada do gabinete. Uma reflexão sobre o que é, em um estado democrático de direito, ter o seu comandante-chefe afastado de seus deveres, é necessária.

Concordando ou não, a Presidencia da República é uma instituição. Acima dos homens e mulher que já ocuparam a cadeira do terceiro andar do Palácio do Planalto, a Presidência é a representação de todos os brasileiros. E o que significa quando a pessoa eleita democraticamente para esse cargo é retirada do mesmo, principalmente quando há motivos para? Apenas traz a tona crises gravíssimas que abalam a nossa Nação. Exatamente o momento em que vive o nosso Brasil.

Um Estado sem comando é um Estado fraco, é um país sem liderança, uma sociedade sem representatividade. Sem representatividade nos bairros, sem representatividade nos municípios, nos estados e no país. Sem representatividade entre nós. Congresso corrupto, sociedade corrupta. Não adianta protestarmos pela dissolução do Congresso Nacional se não devolvemos o troco que recebemos a mais no supermercado.

A verdadeira reforma política começa em nossos lares, com a nossa família. Educai vossas crianças para que não precisai punir vossos adultos, já dizia o ditado. A possibilidade de afastamento da Presidente da República apenas retrata a grave crise social em que vivemos. São homens matando mulheres, filhos desrespeitando pais, alunos querendo ensinar professores. É esse o futuro da nossa Nação?

Já tivemos um Presidente afastado e, embora justificado – assim como hoje se justifica o afastamento da Presidente Dilma – o processo é extremamente agressivo para a nossa República. Entretanto, a dureza dos processos nos faz crescer. O sofrimento traz a resiliência que nossa Nação hoje precisa. Nosso país não precisa de compreensão, nosso país precisa crescer. Crescer na moralidade, crescer na honestidade, crescer na educação, no desenvolvimento tecnológico, industrial, nos direitos básicos, crescer no cumprimento de seus deveres.

Basta de discursos vazios, de pautas sem fundamento. Basta de crer em ideologias e glorificar pessoas. Mais do que nunca, o sentimento de unidade nunca foi tão necessário. Apesar da nossa Presidente da República merecer ser afastada do cargo que ocupa, toda a sociedade deveria sofrer um processo de impeachment. Porquê só aí essa sociedade irá passar a construir a grande Nação que o Brasil pode se tornar. A grande Nação que o Brasil um dia irá se tornar. É hora de reunificar o Brasil.